22.11.14

Não sinto mais dor.
É como se vivesse em constante morfina.

Nenhum comentário: